Institucional

O Centro de Ciências e Tecnologia (CCT) tem sua origem na antiga Escola Politécnica (Poli) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), criada em 06 de outubro de 1952. Na reestruturação multicampi da UFPB, concluída em 1978, passou a integrar o Campus II. A partir daí, o CCT tem se transformado em referencial nacional de Ciência e Tecnologia, em especial, nas regiões norte e nordeste do País, atuando de forma significativa na formação de pessoal capacitado em diversas áreas, no desenvolvimento de pesquisas de interesse regional, bem como em relação dirigidas à extensão universitária.

Ao longo dos anos, o CCT tem desenvolvido ações voltadas para a qualificação do seu corpo docente e dos seus servidores técnico-administrativos. Tais ações visam principalmente ao fortalecimento e à melhoria da qualidade de seus cursos de graduação e pós-graduação, objetivando a formação de profissionais empenhados na busca de soluções para os problemas relacionados com o desenvolvimento social e econômico em nível local, regional e nacional.

Suas atividades de Ensino, Pesquisa e Extensão, de forma indissociável, mostram o seu papel como instituição geradora de conhecimento e consciente de sua responsabilidade de apropriação deste conhecimento para atendimento às demandas da sociedade. Tudo isso através da formação de recursos humanos, da prestação de serviço, de consultorias e da transferência e difusão de tecnologia.

Em 2005, a partir do CCT, foram criados o Centro de Engenharia Elétrica e Informática (CEEI) e o Centro de Tecnologia e Recursos Naturais (CTRN), ficando o CCT, na ocasião, com seis Unidades Acadêmicas. Em seguida, estabeleceu a Unidade Acadêmica de Engenharia de Produção (UAEP). Em 2013, foi criada a Unidade Acadêmica de Estatística (UAEst), a partir da Unidade Acadêmica de Matemática e Estatística (UAME), que passou a se chamar simplesmente Unidade Acadêmica de Matemática (UAMat). Mais recentemente, no ano de 2016, foi criada a Unidade Acadêmica de Engenharia de Petróleo (UAEPetr), a partir da Unidade Acadêmica de Engenharia de Materiais (UAEMa).

Em síntese, o Centro de Ciências e Tecnologia está constituído por nove Unidades Acadêmicas distintas: Unidade Acadêmica de Física (UAF), Unidade Acadêmica de Engenharia Mecânica (UAEM), Unidade Acadêmica de Engenharia de Materiais (UAEMa), Unidade Acadêmica de Engenharia de Produção (UAEP), Unidade Acadêmica de Design (UAD), Unidade Acadêmica de Engenharia Química (UAEQ), Unidade Acadêmica de Estatística (UAEst), Unidade Acadêmica de Matemática (UAMat) e Unidade Acadêmica de Engenharia de Petróleo (UAEPetr).

Atualmente, o CCT conta com 257 docentes, dos quais 6 possuem o título de PHD, 112 de doutor, 62 de mestres e 5 de especialistas, distribuídos em sua unidades acadêmicas conforme o quadro abaixo:

[Gráfico em construção]